Conferência: A «tempestade perfeita» abate-se sobre os media

Pedro Norton, vice-presidente da Comissão Executiva da Impresa, sublinhou que a crise económica vem atingir os media numa «fase particularmente sensível», criando um «ambiente de ‘tempestade perfeita’ e de ameaça sobre todo o eco-sistema mediático». Uma crise de «consequência imprevisíveis» sobre a economia e o emprego no sector. Mas não só.

«A questão transcende largamente a questão económica e do emprego. Sem mercado a qualidade dos produtos baixará, a criatividade não existirá, os melhores ver-se-ão forçados a partir, a oferta diminuirá e a ameaça recai sobre o pluralismo e a liberdade de expressão», considerou Pedro Norton, na primeira sessão das conferências «Jornalismo em tempos de crise». Conclusão: este é um momento «perigoso» para os media.

Esta entrada foi publicada em Conferência, Fórum de Jornalistas com as etiquetas , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s