Michael Bloomberg perto de fazer uma oferta pela compra do Financial Times

Michael Bloomberg está a ponderar fazer uma oferta pela compra do grupo Financial Times que, além do jornal com o mesmo nome, detém 50% da revista The Economist, noticia o The New York Times, citando três fontes anónimas, próximas do mayor de Nova Iorque.

Mr. Bloomberg has long adored The Economist, and his affinity for The Financial Times, at least as a reader, has deepened lately. Its bisque-colored pages, once rarely seen in the thick stack of newspapers Mr. Bloomberg carries under his arm all day, have become a mainstay. Friends say he favors its generally short, punchy and to-the-point articles, which match his temperament.

In October, Mr. Bloomberg visited the London headquarters of The Financial Times, a few blocks away from Bloomberg L.P.’s giant new London complex, which is still under construction. When an editor asked if he would buy the paper, Mr. Bloomberg replied, “I buy it every day.”

O Financial Times está avaliado em 1,2 mil milhões de dólares e tem uma circulação paga de 600 mil exemplares, metade da qual já vem de subscrições online.

Segundo o mesmo artigo do NYT, a Thomson Reuters parece estar também na corrida pelo grupo.

Esta entrada foi publicada em Crise internacional com as etiquetas , , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s